Blog da Plaza Motors

4 dicas sobre a conservação do sistema elétrico do seu carro

O sistema elétrico de um veículo é constituído por componentes responsáveis por controlar a tecnologia criada e instalada em cada modelo. E por ser muito utilizado no dia a dia, esse sistema fica mais sujeito a falhas e anomalias.

Podemos dizer que as panes elétricas são consideradas um dos problemas mais comuns que levam os carros para oficina. Isso ocorre por conta do uso contínuo do veículo em situações extremas, como longos períodos em engarrafamentos na estrada.

Mas alguns cuidados podem ajudar nesse sentido. Neste post listamos algumas dicas para você conservar melhor o sistema elétrico do seu carro. Confira!

1. Fique atento à vida útil da bateria

A bateria é uma peça fundamental para o bom funcionamento de um carro. Ela tem duas funções principais: fazer um veículo arrancar e fornecer energia para todos os componentes elétricos do veículo funcionarem normalmente, como as luzes, o rádio, o ar condicionado, etc.

As baterias costumam ter um ciclo de vida que dura aproximadamente 4 anos. No entanto, a data de validade não é um fator determinante, pois algumas causas específicas podem comprometer o seu funcionamento.

Uma forte evidência de que a bateria do seu carro está fraca é quando, pela manhã, é necessário virar a chave várias vezes para que o motor funcione. Esse sintoma indica uma bateria fragilizada e é preciso ficar de olho!

2. Verifique possíveis problemas no alternador

Um componente importantíssimo para o bom funcionamento de um veículo é o alternador. Ele tem a função de manter a bateria alimentada, por isso, é comum confundir defeitos nessa peça com algum problema na bateria.

Para identificar problemas no alternador, bastam algumas medidas simples: depois de localizar o alternador, com o motor desligado, é preciso verificar se a correia está bem ajustada, firme e sem fissuras ou irregularidades. Com o motor ligado, observe se a correia se movimenta de forma regular, sem sobressaltos. Se for identificado que o giro da correia está instável, provavelmente existe algum problema e a peça deverá ser substituída.

3. Não utilize fusíveis de amperagem diferente

O fusível é um dispositivo simples utilizado para proteger os circuitos elétricos de um veículo. A sua principal finalidade é proteger os elementos e circuitos elétricos em condições de curto-circuito ou sobrecarga, podendo evitar danos a equipamentos. Se existir algum fusível danificado ou até mesmo com um fio solto, ele poderá afetar o funcionamento do sistema.

Muitas pessoas acreditam que podem substituir um fusível de 15 amperes por um de 25 amperes, por exemplo. Sim, o equipamento vai funcionar normalmente, mas em caso de curto-circuito ou sobrecarga, o equipamento ou acessório vai queimar imediatamente, podendo até causar um incêndio e comprometer todo o sistema elétrico do carro!

4. Verifique com frequência as velas de ignição

A vela de ignição leva a alta tensão produzida pela bobina de ignição para o interior da câmara de combustão para gerar a centelha, ou faísca elétrica, que provoca uma queima com a mistura ar-combustível dentro da câmara de combustão.

Embora a vela de ignição tenha um funcionamento relativamente simples, ela é fundamental para o bom desempenho do motor de um carro e está diretamente relacionada ao consumo de combustível, liberação de gases poluentes e rendimento do motor.

Pode acontecer, por algum motivo, de as velas de ignição ficarem frouxas, o que pode comprometer o desempenho do carro e aumentar o consumo de combustível. Um simples aperto pode resolver um grande problema.

Cuidar da conservação do sistema elétrico do carro é uma forma simples de manter todos os equipamentos e peças fundamentais do veículo em ordem. Leve o seu carro para fazer uma revisão com frequência e não se esqueça de pedir para o mecânico verificar também esses itens.

Conhece mais dicas para conservar o sistema elétrico do carro? Compartilhe conosco, deixe o seu comentário!