Blog da Plaza Motors

5 dicas para comprar o carro ideal para suas necessidades

A vida nas grandes cidades pode ser complicada. Trabalho, escola dos filhos, faculdade e outros compromissos exigem que se chegue em lugares distantes em curtos períodos de tempo. E para enfrentar tudo isso, você precisa de um carro ideal para suas necessidades.

Os trajetos longos, a violência urbana e a baixa qualidade do transporte público dificultam a utilização de meios alternativos. Além disso, as obrigações do dia a dia criam certas necessidades que só podem ser resolvidas com um veículo próprio.

Para não se arrepender do modelo escolhido, porém, é preciso refletir sobre alguns pontos fundamentais. Por isso, separamos abaixo algumas dicas do que deve ser observado para comprar o carro ideal para você. Confira!

1. Pense em como o carro será usado

Pensar em que condições o veículo será usado é essencial para que não haja arrependimentos depois da compra.

É preciso, por exemplo, saber se o carro vai rodar muitos quilômetros todo dia, se vai enfrentar muitas subidas, pegar engarrafamentos, etc. Com isso, você poderá comprar o modelo com melhor rendimento para seus trajetos.

Pense também sobre os fins para os quais o carro servirá. Se para levar as crianças na escola no banco de trás, fazer viagens e encher o porta-malas, se vai utilizá-lo profissionalmente ou apenas para passeios, entre outros. Isso facilita a escolha da categoria que oferece as melhores condições para o suas necessidades.

2. Leve em conta quem vai usar o carro

É importante, antes de escolher o carro, saber quem irá usá-lo. Tanto como motorista quanto como passageiro. Afinal, certos modelos podem dificultar a visão da rua para pessoas mais baixas, por exemplo. Ou a entrada e a saída de pessoas de idade avançada ou com sobrepeso.

Para quem vai levar crianças, é bom saber se o carro conta com sistema de travamento de segurança das portas de trás.

Além disso, deve-se pensar em acessórios como direção hidráulica, ajuste de assento, assistente de estacionamento, etc. que facilitam a direção de pessoas menos experientes, como filhos recém-habilitados.

3. Faça as contas e compare

O valor da compra e das parcelas do financiamento deve ser levado em consideração, juntamente às somas que serão pagas com impostos, seguro automotivo e gastos de manutenção.

Muitas vezes, não compensa comprar o carro mais custoso pelo simples fato de não trazer benefícios para você. Por exemplo, um modelo com seguro mais caro por ter alto índice de roubos, é um dos mais vendidos, mas nem sempre é o melhor para o seu caso.

Ao mesmo tempo, deve-se ver o que os concorrentes oferecem. Às vezes, marcas menos populares possuem vantagens e itens de fábrica que fariam o preço dos carros mais badalados darem um salto.

4. Siga seu gosto, mas considere outras opções

De nada adianta comprar a opção de melhor custo-benefício se você não gostar do veículo. Ter um carro deve ser algo prazeroso, e você precisa ter vontade de cuidar dele depois. Portanto, escolha o modelo que mais combine com sua personalidade no design e no rendimento do motor.

5. Não dispense o teste drive

A única maneira de descobrir se você se sentirá bem dentro de um carro é usando-o. Para isso, as concessionárias oferecem o teste drive. Dessa forma, você poderá perceber se o assento é confortável e se a dirigibilidade e visibilidade do modelo são compatíveis com seu tipo físico e suas necessidades.

Não deixe de testar os vários modelos da categoria que você está buscando. Às vezes, o carro que escolhemos por fora não contempla, com seu interior, nossas exigências.

A vida nas grandes cidades muitas vezes exige que se tenha o carro ideal para realizar todas as tarefas e ainda poder ter conforto no dia a dia. Seguindo nossas dicas, ficará mais fácil de acertar na hora da compra.

Ficou alguma dúvida? Gostaria de saber mais sobre opções de carros para você? Então entre em contato conosco e agende uma visita! Nossos profissionais estão à disposição para atendê-lo.